Notícia

POLÍCIA MILITAR

Polícia Militar do Estado de Alagoas
Guarnições do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes), pertencentes ao 3º Batalhão de Polícia Militar (BPM), prenderam um indivíduo por tráfico de drogas, durante a noite desse domingo (28), no bairro Baixão, em Arapiraca.
 
Os militares realizavam patrulhamento pela Rua Pedro Leão, quando se depararam com o acusado saindo de uma casa aparentemente abandonada. Dentro do imóvel foram encontrados 500 gramas de maconha e 400 gramas de crack; enquanto que na residência do suspeito, foram apreendidos sete aparelhos celulares, cinco balanças de precisão, oito munições de calibre 380 e duas motocicletas Honda, sendo uma Twister e uma Bros.
 
Diante do fato, os policiais conduziram para a Central de Polícia o autor e os outras pessoas que estavam em sua casa no momento da abordagem para que fossem realizados os procedimentos cabíveis.
 
2ª Companhia de Polícia Militar/Independente
 
Uma equipe do Pelopes, lotada na 2ª CPM/I, deteve um homem por Tentativa de Homicídio, durante a manhã de ontem (28), no município de Joaquim Gomes.
 
A vítima entrou em contato com a guarnição, relatando que o suposto autor estaria em sua residência, situada no bairro Usina Agrisa, e se preparava para se evadir. Imediatamente os militares foram até o imóvel, vindo a deter o suspeito, que assumiu a autoria do crime e indicou onde estaria a arma utilizada, uma espingarda de calibre 28.
 
Todos os envolvidos foram conduzidos para uma delegacia de Polícia Civil, para que fossem tomadas as medidas necessárias.
Guarnições pertencentes ao 10º Batalhão de Polícia Militar (BPM) recuperaram quatro motocicletas roubadas, nesse domingo (28), durante três ocorrências distintas, em sua área de atuação.
 
A primeira ação foi registrada no município de Palmeira dos Índios, pela manhã, por equipes do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes). Os militares realizavam patrulhamento, quando visualizaram um indivíduo conduzindo um ciclomotor Shineray com as numerações do chassi e do motor suprimidas. O autor foi conduzido para a Central de Polícia, em Arapiraca, onde foi autuado por Receptação Culposa.
 
Ainda pela manhã, só que desta vez na cidade de Cacimbinhas, o Grupamento de Polícia Militar (GPM) abordou um adolescente que estava transitando com uma motocicleta de cor verde, com queixa de roubo. Ao ser questionado sobre o veículo, o jovem informou que o havia pego emprestado para realizar o transporte de duas mulheres. A guarnição foi até a residência do suposto proprietário e o conduziu, juntamente com o adolescente, para Central de Polícia, em Arapiraca, para que fossem tomadas as devidas providências.
 
Por fim, durante a noite, uma guarnição de Força Tarefa apreendeu duas motocicletas, uma no município de Palmeira dos Índios e outra em Quebrangulo. Após patrulhamento, a equipe se deparou com dois menores em uma motocicleta. Durante a abordagem, um homem informou que era o proprietário do veículo e que havia sido roubado pela dupla, que em seguida, assumiu a autoria do crime e também indicou onde estava o segundo ciclomotor apreendido. Depois de recolher as motos, os policiais conduziram os autores para a delegacia de Arapiraca, onde foram realizados os procedimentos cabíveis.
Batalhões pertencentes ao Comando do Policiamento da Capital (CPC) realizaram apreensões de armas de fogo, durante o final de semana, em suas áreas de atuação. Todo material retirado de circulação foi encaminhado para a Central de Flagrantes I, em Maceió.
 
Na tarde desse domingo (28), no bairro do Trapiche da Barra, uma Força Tarefa, composta por integrantes do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran), apreendeu uma espingarda calibre 12, além de 82 gramas de maconha e uma balança de precisão. O material estava com três indivíduos, que ao perceberam a presença da viatura, empreenderam fuga, obtendo êxito. 
 
Ainda no domingo, durante a madrugada, militares do 8º BPM apreenderam um revólver calibre 38, contendo três munições intactas, que estava com um indivíduo, na Rua São Pedro, Centro da cidade de Satuba. Após patrulhamento, os policiais se depararam com o acusado, que ao ser abordado, foi flagrado com a referida arma. Posteriormente, o autor recebeu voz, sendo autuado em seguida por Porte Ilegal de Arma de Fogo.
 
Já durante a noite do último sábado (27), equipes lotadas no 4º BPM, apreenderam um revólver calibre 38, contendo três munições intactas, na Grota Aldeia do Índio, bairro do Jacintinho. A arma estava com um homem que, devido ao fato, foi autuado por Porte Ilegal de Arma de Fogo.
A Polícia Militar de Alagoas realizou a Aula Inaugural do Curso de Operações de Inteligência (COI), durante a manhã desta segunda-feira (29), no auditório da Academia Senador Arnon de Mello, situada no bairro do Trapiche da Barra, em Maceió.
 
Participaram da cerimônia o comandante-geral da PM, coronel Wellington Bittencourt; o subcomandante-geral, coronel Thúlio Emery; o diretor de ensino, coronel Walter do Valle; o subcomandante da Academia de Polícia Militar, tenente-coronel Olegário Paes; o chefe da PM2, major Helson Souza; a chefe da PM5, major Luciana Leite e o superintende da ABIN, Joiro de Souza, que foi o responsável pela palestra realizada durante o evento.
 
O objetivo do Curso é capacitar e aperfeiçoar os profissionais de Segurança Pública em situações de Operações de Inteligência, na utilização das técnicas e ações de buscas que possibilitem o acesso ao dado negado, bem como para a produção de documentos de operações de inteligência que visem melhor subsídio à Produção do Conhecimento.
 
A formação terá carga horária de 102 horas/aulas e contará com instruções teóricas e exercícios de campo diurnos e noturnos, onde o aluno terá a oportunidade de realizar técnicas operacionais dentro dos preceitos doutrinários da atividade de inteligência. A malha curricular do COI conta com 18 disciplinas, dentre elas: Crimes Cibernéticos, Inteligência de Sinais, Tiro Policial, Reconhecimento Operacional, Estória-cobertura, Entrevista e Vigilância.
 
O corpo discente será composto por 29 integrantes de forças de segurança dos estados de Alagoas, Acre, Amazonas, Bahia, Paraíba, Paraná, Rio Grande do Norte, Rondônia, Santa Catarina e Sergipe. Essa é a segunda edição promovida pela PMAL, a primeira foi realizada em 2016 e formou 25 profissionais.
Dia 29 de novembro é celebrado o dia da criação da Força Nacional de Segurança Pública, que neste ano comemora 17 anos de atuação em defesa da segurança de toda a Nação, onde ao longo dessas quase duas décadas, centenas de policiais militares de Alagoas já serviram ao programa.
 
O Comandante Geral da Polícia Militar de Alagoas, Coronel Wellington Bittencourt, parabeniza a todos integrantes da Força Nacional, que se dedicam incansavelmente pela manutenção da ordem pública brasileira.
 
“Quero parabenizar e agradecer a todos os integrantes da Força Nacional de Segurança Pública pelo brilhante trabalho que esses agentes da segurança pública desempenham para o nosso país. Esse programa, que já ajudou Alagoas, é um marco na nossa história”, destacou o Comandante Geral.
 
Sobre a Força Nacional
 
Criada em 29 de novembro de 2004, a Força Nacional de Segurança Pública é um programa de cooperação entre os estados-membros e a União Federal, a fim de executar, através de convênio, atividades e serviços imprescindíveis à preservação da ordem pública, à segurança das pessoas e do patrimônio, atuando também em situações de emergência e calamidades públicas.
 
Ela foi inspirada no modelo da Organização das Nações Unidas (ONU) de intervenção para a paz, ou seja, o desenho organizacional das missões de paz das Nações Unidas, cuja atuação se baseia na cooperação entre países-membros para a resolução de conflitos. As características de formatação e atuação da Força Nacional de Segurança Pública consolidaram seu lema "Preparados para Tudo", que exige a utilização de capacidades e recursos para atuar em situações diversas e complexas dentro do contexto de segurança pública.
 
É uma tropa de “pronta-resposta” sediada em Brasília (DF), no Batalhão Escola de Pronto-Emprego (Bepe), o qual conta com profissionais capacitados e em condições de agirem imediatamente.

Você que não teve a oportunidade de assistir o documentário "20 anos: Radiopatrulha e a transição para ROTAM", agora poderá conferir a História do Batalhão de Polícia de Radiopatrulha:

Página 1 de 215