Notícia

POLÍCIA MILITAR

Polícia Militar do Estado de Alagoas
Quinta, 08 Julho 2021 12:36
CELEBRAÇÃO

Batalhão de Operações Especiais comemora 45 anos com programação esportiva

Evento está sendo realizado na Unidade Especializada

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Whatsapp
  • Google +
Cabo de Guerra foi uma das provas realizadas na competição Cabo de Guerra foi uma das provas realizadas na competição

O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), antigo “Choque” da Polícia Militar de Alagoas, completou nessa quarta-feira (07), 45 anos de serviço especializado. Destes, 20 anos com a nova nomenclatura.

Uma atividade interna a fim de promover o espírito de camaradagem, como também celebrar mais um ano de aniversário está sendo realizada na Unidade Especializada desde o início da semana. A competição envolveu sete das guarnições que compõem o batalhão.

“O intuito da competição é promover a interação entre os militares, celebrar mais um ano de aniversário da unidade especializada e, também, aproximar a atividade à realidade policial militar”, frisou o Comandante do Bope, tenente-coronel César Monte.

 

O calendário de atividades teve início na última segunda-feira (05) com as provas de Aquathlon (natação seguida de corrida) e Cabo de Guerra. Já na terça e quarta ocorreram as disputas de Futebol e Crossfit, respectivamente. Na manhã de hoje três militares de cada equipe se enfrentam para a disputa de “Tiro”.

O evento se encerrará, nesta sexta-feira (09), com a realização de uma formatura geral, no pátio interno do quartel do BOPE, onde será feita as premiações dos vencedores.

 

“Atividades como esta, além de ser uma oportunidade de comemorarmos o aniversário do batalhão, é interessante, pois nos dá a oportunidade de realizar um treinamento próximo a nossa atividade-fim”, destacou um dos militares campeões da prova de Aquathlon, cabo Manoel Hilário.


Histórico do BOPE

Em julho de 1976 a PM constatou a necessidade de formar uma tropa capacitada a executar missões de contra guerrilha urbana e rural. Inicialmente foi criado o Pelotão de Polícia de Choque e após sete anos o pelotão tornou-se companhia.

Com o Decreto nº 35.347, de 10 de abril de 1992, criou-se na Polícia Militar de Alagoas o Batalhão de Polícia de Choque, denominado Batalhão Coronel Antônio Monteiro de Souza, que já àquela época tinha como área de atuação todo o território alagoano e trazia em sua estrutura a Companhia de Operações Especiais – COE.

No dia 19 de abril de 2001, o governador do Estado de Alagoas sancionou a Lei nº 6230 que aprovou a organização básica da Polícia Militar, passando a COE a fazer parte do recentemente renomeado Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE).