Notícia

POLÍCIA MILITAR

Polícia Militar do Estado de Alagoas
Sexta, 11 Junho 2021 12:06
ASSISTÊNCIA

CPC promove ação sobre trabalho do CAS para unidades da Capital

Objetivo foi apresentar os serviços da assistência psicossocial oferecidos pelo CAS

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Whatsapp
  • Google +

O Comando de Policiamento da Capital (CPC) realizou, através do Centro de Assistência Social (CAS), uma apresentação para comandantes e subcomandantes de unidades da capital, além de seus respectivos P1’s e P3’s. O objetivo da reunião ocorrida na manhã da quarta-feira (09) foi apresentar os serviços da assistência psicossocial oferecida pelo CAS às unidades da Corporação.

O conteúdo foi apresentado pela equipe técnica do CAS, representada pela capitã psicóloga Larissa Omena e a tenente assistente social Danielle Virtuoso. Foram expostas as ações que o CAS vem desenvolvendo ao longo dos seus 20 anos de existência a exemplo dos programas que balizam o atendimento e o acolhimento da tropa. Foram apresentados ainda as estratégias para ampliação dos serviços em 2021, além dos Núcleos de Assistência Psicossocial (NAPs) que são os responsáveis pela descentralização das ações do CAS levando os atendimentos para o interior do Estado com o intuito de estar mais próximo da tropa e ampliar os serviços.

Foi exposto ainda um novo modelo de assistência a “Assistência Psicossocial de Proximidade”, que tem como objetivo realizar um acompanhamento mais próximo às unidades, através de visitas, reuniões, palestras, atendimentos e elaboração de projetos a partir da realidade apresentado.

Na ocasião, o comandante do CPC, coronel Carlos Luna, ressaltou a importância das unidades da capital manterem um contato mais próximo e direto com o CAS, como também a utilização dos serviços oferecidos para a manutenção não apenas da saúde mental, mas também do bem-estar de suas tropas.

“A nossa Corporação executa diversas ações de políticas públicas voltadas ao cuidado do público externo e do bem-estar social, mas também temos o Centro de Assistência que oferece um atendimento não apenas técnico, mas humanizado aos nossos policiais, precisamos não apenas valorizar, mas utilizar desses serviços. Nossa tropa precisa desse cuidado” afirmou o coronel Luna.