Quinta, 14 de Dezembro de 2017
   
Texto

3º CPM/I apoia projeto "Cidadania nas Escolas" em Paripueira

Evento teve como objetivo abrir diálogo com a comunidade acerca de diversos temas
 
Nesta sexta-feira (2), o Ministério Público do Estado de Alagoas (MPE/AL), com o apoio da Polícia Militar, através da 3ª Companhia de Polícia Militar/Independente (CPM/I) e do Batalhão de Polícia Escolar (BPEsc) apresentaram ao município de Paripueira o projeto “Direitos Humanos em Pauta – Cidadania nas Escolas”.
 
O evento teve como objetivo abrir diálogo com a comunidade acerca de temas como educação, saúde, exploração sexual e o uso de tabaco, álcool e outras drogas e contou com a presença de diversas autoridades como os promotores de Justiça Marllison Andrade, Alexandra Beurlen, Marluce Falcão, Lídia Malta, Dalva Tenório, Hilza Paiva o comandante da 3º CPM/I Major Paulo Eugênio entre outros que, através de palestras e ações socioeducativas, instruíram pais, jovens e crianças pertencentes à rede pública de ensino sobre a importância dos direitos humanos, sua aplicabilidade diária e a importância de órgãos públicos, como a polícia Militar, na garantia desses direitos.
 
Todos os direitos e deveres de um cidadão podem ser abordados. Mostramos que um cidadão tem direito à saúde, à educação, por exemplo, mas que tem seus deveres também e devem cumpri-los. Com uma sociedade mais consciente dos seus direitos e deveres, inclusive, tendo discernimento sobre o que é ou não crime, fica mais fácil trabalharmos para assegurar uma vida mais decente e digna para todos porque teremos a população lutando junto conosco.
 
“A intenção desse projeto é discutir, principalmente com os mais jovens, o que são direitos humanos e como exercê-los. Precisamos transformar a sociedade com a estruturação do que é cidadania. Estes alunos podem ser agentes multiplicadores dessa mudança”, afirmou a promotora de Justiça Marluce Falcão, coordenadora do Núcleo de Defesa dos Direitos Humanos, o 1º Centro de Apoio Operacional do MPE/AL.
 
O evento teve atividades simultâneas no Ginásio Esportivo do Município de Paripueira e na Escola Municipal Pedro Reis. Além da “blitz cidadã” com a participação de diversos militares das OPMs anteriormente citadas, ocorrida em vários pontos da cidade, com distribuições de panfletos educativos contra o abuso sexual infanto-juvenil.
 
A ação foi colocada em prática pela equipe do projeto Anjos da Paz, da Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (SEPREV) e do batalhão de Polícia Escolar onde, através dos educadores Valdomiro Pontes, Áurea Vasconcelos e do Aspirante a Oficial Alex Acioli que, além da panfletagem, também realizaram palestras educativas enfatizando o papel da segurança pública na defesa dos Direitos Humanos.
 
Também foi apresentado aos alunos e professores o projeto João Cidadão que tem por objetivo construir um canal de comunicação eficiente, com linguagem dinâmica, bem-humorada e acessível para abordar os direitos e deveres do cidadão. Tal iniciativa conta com hotsite e cartilha destinados à apresentação do projeto e à difusão de conteúdo de utilidade pública.
Partilhar no FacebookPartilhar no Twitter

ATENÇÃO

Locais de Provas

CPM 2018

PESQUISE NO SITE

ACESSO À INFORMAÇÃO

Banner

DISQUE DENÚNCIA

Banner
Banner

INFORMATIVOS

Banner
Banner
Banner

CONTATO

ALAGOAS EM DADOS E INFORMAÇÕES

Banner

LINK CNCG